MAPFRE
Madrid 2,216 EUR -0,02 (-1,07 %)
Madrid 2,216 EUR -0,02 (-1,07 %)

ECONOMIA| 09.10.2023

O que é a pontuação de crédito
e como melhorá-la

Thumbnail user

Em tempos atuais, de incerteza econômica e desaceleração global, a importância da pontuação de crédito nunca foi tão relevante. A capacidade de acesso a empréstimos, cartões de crédito ou até mesmo uma hipoteca é um tema que preocupa cada vez mais pessoas e é por isso que contar com uma boa pontuação de crédito faz a diferença quando se trata de tranquilidade financeira.

A pontuação de crédito é uma medida de seu histórico de crédito, isto é, o número usado pelos credores para determinar as probabilidades de pagar um empréstimo dentro do prazo. Quanto maior for a sua pontuação de crédito, maior será a probabilidade de ser aprovado para um empréstimo e com melhores taxas de juros.

Mas quais fatores determinam o valor de sua pontuação de crédito?

  1. Histórico de pagamentos: Esse é o fator mais importante e representa 35% da pontuação de crédito. Ele leva em consideração se você pagou ou não dentro do prazo tanto outros credores quanto suas contas. Quanto mais recentes forem os atrasos ou as faltas de pagamento, maior será o impacto negativo na pontuação.
  1. Porcentagem de utilização de crédito: representa 30% da pontuação e leva em conta quanto crédito você está usando em relação à quantidade total de crédito disponível. Portanto, quanto mais perto você estiver do limite, maior será a taxa de utilização e pior será para a pontuação.
  1. Duração do histórico de crédito: um histórico de bom crédito durante um longo período de tempo é um bom sinal para os credores. Dentro desse fator, que representa 15% da pontuação final, leva em conta a idade de sua conta mais antiga, a idade de sua conta mais recente, a idade média de todas suas contas e a abertura de contas atuais. Ter um longo histórico de bom crédito melhorará sua pontuação.
  1. Tipos de crédito: gerenciar diferentes tipos de dívida, como cartões de crédito, contas de varejo, empréstimos parcelados, contas de empresas financeiras e empréstimos hipotecários é um ponto a favor na hora de determinar o valor de sua pontuação. Embora não seja possível saber com certeza qual é a melhor fórmula, a combinação de uma boa gestão desses tipos melhorará o resultado. Os tipos de crédito que você gerencia simultaneamente representam 10% da pontuação.
  1. Consultas de crédito: toda vez que um credor consulta seu relatório de crédito, isto fica registrado. Isso significa que, se muitos empréstimos forem solicitados, existirá um longo histórico de verificação de crédito. Entretanto, ter um grande número de consultas pode indicar que muito crédito está sendo procurado e pode se tornar indicador de um risco de crédito. Isso afeta a pontuação em 10%.

Se quiser melhorar sua pontuação de crédito, há algumas coisas que você pode fazer:

  • Pagar todas as suas contas no prazo.
  • Manter sua porcentagem de uso de crédito abaixo de 30%.
  • Não fechar contas bancárias antigas, porque elas são uma maneira de demonstrar um longo histórico de crédito.
  • Diversificar os tipos de empréstimos que solicitar.
  • Solicite um crédito apenas quando precisar e evite ter um longo histórico de verificação de crédito.

Você pode obter seu relatório de pontuação de crédito gratuitamente uma vez por ano em alguns sites. Conhecer os fatores que determinam o score é o primeiro passo para melhorar sua pontuação de crédito e ter acesso a empréstimos com melhores taxas de juros. Ter um crédito sólido é uma maneira de economizar dinheiro a longo prazo e manter uma economia estável.

Na MAPFRE, ajudamos você a ter uma boa educação financeira, estar familiarizado com os conceitos mais importantes e conhecer em primeira mão os diferentes tipos de produtos financeiros para que sempre tome decisões informadas e escolha a opção que melhor se adapte às suas necessidades.

ARTIGOS RELACIONADOS: