Madrid 1,76 EUR -0,07 (-3,83 %)
ZoomTalento Prensa

5
continentes

 

34.000
colaboradores

Assumimos a parte que nos interessa no desenvolvimento sustentável

Trabalhamos com conhecimento e reflexão para criar debate público

M

COMPROMISSO| 13.05.2021

A Labora, primeira plataforma de emprego a promover a inclusão geracional

Thumbnail user

É finalista do Prêmio Fundación MAPFRE para Inovação Social. Projetada para agilizar os processos de recrutamento, treinamento e integração enfrentados pelos departamentos de recursos humanos, a plataforma foca em profissionais com mais idade. O sistema cria vagas de emprego em potencial para pessoas com mais de 50 anos. A final da quarta edição do Prêmio Fundación MAPFRE para Inovação Social será realizada no dia 12 de maio.

Madri, março de 2021. A Labora é a primeira plataforma capaz de quebrar barreiras para acelerar a inclusão da diversidade geracional nas empresas. Para seus criadores Sergio Serapião, Fernanda Zemel e Ricardo Seara, a inclusão produtiva de pessoas com mais de 50 anos enfrenta obstáculos que outras alternativas de busca de emprego ignoram. “Os postos de trabalho foram concebidos para pessoas com menos de 40 anos e, nesse cenário, contratar pessoas mais velhas significa, para muitas pessoas, precisar fingir ser mais jovem, deixando de lado seus melhores atributos e colocando em risco sua saúde, autoconfiança e realização.”

A Labora é uma plataforma projetada para agilizar os processos de recrutamento, treinamento e integração enfrentados pelos departamentos de recursos humanos, com foco em profissionais mais velhos. Por meio da identificação de perfis, treinamentos gratuitos e mapeamento de habilidades e objetivos do candidato, o aplicativo faz a correspondência de vagas sem vieses inconscientes de idade e garante o sucesso das empresas no processo de inclusão. Para isso, e com o objetivo de criar valor para as empresas, os resultados são monitorados e os treinamentos são oferecidos de acordo com as necessidades do cargo. “Nosso produto permite que pessoas mais velhas sejam contratadas, e seu potencial é demonstrado com dados, empoderando as pessoas mais velhas.”

A plataforma elimina as barreiras que os profissionais mais velhos frequentemente enfrentam ao procurar emprego, adaptando o design das vagas e os processos seletivos. Além disso, também há parceiros de conteúdo que oferecem aos usuários treinamento gratuitos, possibilitando que pessoas com mais de 50 anos encontrem um lugar único para se requalificar e se fortalecer para os desafios do mercado. “Na Labora, criamos vagas em potencial para trabalhadores mais velhos, usamos tecnologia baseada em dados nos processos, eliminados a idade e revisamos as carreiras para esse período da vida.”

Atualmente, a Labora atende 12 mil profissionais, que estão participando de treinamentos. Até o final de 2021, eles esperam que 100 mil pessoas com mais de 50 anos sejam treinadas para novos trabalhos. “Fizemos com que a nossa mensagem chegasse a empresas e idosos, que estão começando a repensar o seu potencial hoje. Na verdade, estimamos que o nosso impacto indireto em 2020 atingiu um milhão de pessoas.” Um número que, em um ano, eles esperam dobrar.

 

 

Prêmios para mudar o mundo

O prêmio, em sua quarta edição, recebeu mais de 300 iniciativas desenvolvidas por cientistas, pesquisadores, estudantes de universidades ou escolas de negócios, 28% mais do que na edição anterior.

Desenvolvido como um campeonato envolvendo três regiões geográficas: Brasil, demais países da América Latina e Europa, o objetivo do Prêmio Fundación MAPFRE para Inovação Social é possibilitar o crescimento de propostas que representem a essência da inovação social: talento, capacidade de transformação, compromisso e necessidade de melhorar o ambiente em que vivemos.

No dia 12 de maio, um júri, formado por especialistas da Fundación MAPFRE e da IE University, parceiro acadêmico do Prêmio, escolherá três vencedores, um para cada categoria, em três áreas muito atuais e de grande impacto, que também são o foco do trabalho desenvolvido pela Fundación MAPFRE: melhoria da saúde e da tecnologia digital (e-Health); prevenção e mobilidade segura e sustentável; e economia do envelhecimento (Ageingnomics).