Madrid 1,832 EUR 0,02 (0,94 %)
ZoomTalento Prensa

5
continentes

 

34.000
colaboradores

Assumimos a parte que nos interessa no desenvolvimento sustentável

Trabalhamos com conhecimento e reflexão para criar debate público

M

CORPORATIVO | 05.05.2021

Elena Sanz: “Temos que apostar na flexibilidade do horário de trabalho e ir de encontro a um modelo híbrido global”

Thumbnail user

Em entrevista à Actualidad Aseguradora, a Diretora Geral de Pessoas e Organização destacou a capacidade de antecipação da MAPFRE na gestão de pessoas durante a pandemia, assim como o compromisso do Grupo com a diversidade e a igualdade.

A Actualidad Aseguradora, uma publicação líder entre os profissionais do mundo do seguro na Espanha, iniciou o artigo destacando que antecipar o que virá faz parte do DNA da MAPFRE. Este é o balanço da entrevista com Elena Sanz, Diretora Geral da Área Corporativa de Pessoas e Organização, que destaca que, face à pandemia, o Grupo já tinha elaborado um plano de contingência para garantir a saúde dos funcionários e clientes, garantir a continuidade do negócio e ajudar a sociedade. Um plano que “começamos a implementar de forma muito coordenada, global e local”.

Na área específica de gestão de pessoas, Elena Sanz apontou alguns dos aspectos que têm sido fundamentais para a adaptação da MAPFRE ao novo contexto derivado da pandemia. Por exemplo, a flexibilidade. “Foi preciso tornar as relações trabalhistas totalmente flexíveis e diferenciadas. Foi o que nossos funcionários, clientes e negócios necessitaram.” Neste contexto, ela afirmou que “devemos apostar na flexibilidade do horário de trabalho e na possibilidade de trabalhar a distância, fora do escritório. Isso nos impulsiona a um modelo global híbrido, no qual os funcionários podem escolher trabalhar um ou dois dias por semana fora do escritório.”

Elena Sanz enfatizou que essa flexibilidade tem um impacto direto na experiência do funcionário: “quanto mais flexibilidade você dá às pessoas, mais gratas elas ficam porque podem projetar sua vida da maneira que quiserem.”

Juntamente com a flexibilidade, a comunicação, tanto interna como externa, assume especial relevância, apoiada no rigor, transparência e proximidade aos líderes. Elena Sanz destacou ações como o Kit COVID-19, que “lançamos a cada 15 dias com todas as informações sobre saúde, prevenção, relações trabalhistas e flexibilidade. A coesão e a coordenação com todos os países foram muito importantes para nós.” Iniciativas como a #AskMAPFRE também foram decisivas, por meio da qual Elena e o presidente Antonio Huertas responderam na Intranet às dúvidas levantadas por funcionários de todo o mundo.

Outros aspetos fundamentais foram o treinamento e o papel do líder, “que teve de enfrentar uma grande mudança em questão de horas: da liderança de equipas presenciais ao trabalho virtual”. Nesse contexto, Elena Sanz se refere às qualidades que devem caracterizar o líder da MAPFRE, “digital, quem aprende, um líder do conhecimento, estratégico, de valores e que acompanha pelo exemplo”; assim como os cinco comportamentos “fundamentais em toda essa transformação impulsionada pela digitalização: colabora, inova, agiliza, respeita e comunica”.

Compromisso da MAPFRE com a diversidade e igualdade de oportunidades

No âmbito da entrevista, Elena Sanz refere-se também à promoção da diversidade e igualdade do Grupo, por meiodos compromissos públicos assumidos pela empresa. Ela destacou que avanços importantes estão sendo feitos e alcançados “com muita conscientização e muito trabalho interno. Em nossa empresa, isso é fundamental, o que é compreensível.”

No entanto, e apesar de “acreditar que os tetos de vidro estão se quebrando”, Elena Sanz ressaltou que “há um longo caminho a percorrer” e que há três aspectos nos quais devemos trabalhar de forma especial: que as mulheres tenham acesso a postos de empregos que até agora foram ocupados por homens; flexibilidade no horário de trabalho, o que facilitará uma melhor conciliação da vida pessoal e profissional; e conscientização e educação, em torno da igualdade, respeito e corresponsabilidade.