Madrid 1,76 EUR -0,07 (-3,83 %)
ZoomTalento Prensa

5
continentes

 

34.000
colaboradores

Assumimos a parte que nos interessa no desenvolvimento sustentável

Trabalhamos com conhecimento e reflexão para criar debate público

M

COMPROMISSO| 13.05.2021

A Wheel the World, iniciativa que traz acessibilidade às ofertas turísticas

Thumbnail user

É finalista do Prêmio Fundación MAPFRE para Inovação Social. Sua tecnologia coleta informações precisas de acessibilidade sobre destinos turísticos e adapta as ofertas às necessidades de cada usuário. Mais de 500 milhões de pessoas optam por não viajar devido à falta de informações sobre acessibilidade. A final da quarta edição do Prêmio Fundación MAPFRE para Inovação Social será realizada no dia 12 de maio.

A Wheel the World é uma plataforma para ajudar os viajantes com deficiência a encontrar e reservar experiências de viagem totalmente acessíveis. Para Álvaro Silberstein, CEO e fundador da iniciativa, dar às pessoas com deficiência a oportunidade de explorar o mundo como sempre fizeram é uma prioridade. Depois de sofrer um acidente de carro aos 18 anos de idade, que o deixou em uma cadeira de rodas, Silberstein decidiu, junto com o seu amigo e cocriador da iniciativa, Camilo Navarro, que nada iria atrapalhar o seu sonho de fazer a rota de Torres del Paine, na Patagônia. “Percebemos que nenhum usuário de cadeira de rodas havia feito essa viagem antes, mas que, com uma cadeira de caminhada especial e informações corretas, era possível.” Depois de completar a viagem, a história viralizou, e centenas de pessoas com deficiência ficaram interessadas em fazer a mesma viagem. Para incentivar as pessoas a explorarem sem limites, eles lançaram a Wheel the World.

A Wheel the World é uma plataforma online na qual os usuários podem encontrar e reservar serviços turísticos com os recursos de acessibilidade de que precisam com base em seu perfil. Os viajantes podem procurar destinos, hotéis, excursões ou pacotes adaptados às suas necessidades específicas. Uma vez reservado o serviço, a plataforma fornece ao hotel ou operador turístico as informações detalhadas necessárias para satisfazer essas necessidades. Além disso, graças a um sistema de mapeamento, esse projeto chileno coleta informações com o mais alto nível de especificidade. “Por meio de formulários detalhados e geração de conteúdo fotográfico, estamos criando um banco de dados de acessibilidade da indústria do turismo, algo que ninguém mais do mundo está fazendo.”

“As pessoas com deficiência e seus acompanhantes enfrentam muitas dificuldades para reservar uma viagem com a acessibilidade de que precisam, e é justamente a falta de informações de acessibilidade que está impedindo que mais de 500 milhões de pessoas viagem em todo o mundo.” O mercado de viagens acessível é um dos maiores nichos de mercado da indústria, mas é o segmento mais negligenciado. Segundo a Organização Mundial de Saúde, mais de um bilhão de pessoas em todo o mundo têm deficiência, e estima-se que, nos próximos anos, 25% do turismo total será correspondente à população com mais de 65 anos de idade com necessidades especiais de mobilidade, uma realidade que vai aumentar à medida que a população mundial envelhece.

A Wheel the World levou mais de mil viajantes, com e sem deficiências, a mais de 110 rotas de viagem acessíveis em 35 destinos em todo o mundo, e a expectativa é de poder levar mais 700 pessoas ao longo de 2021. Desde relaxar em uma praia mexicana com uma cadeira de rodas para a areia a fazer uma expedição pelas montanhas chilenas, mergulhar nos recifes mais espetaculares ou até mesmo surfar, nada é impossível.

 

 

Prêmios para mudar o mundo

O prêmio, em sua quarta edição, recebeu mais de 300 iniciativas desenvolvidas por cientistas, pesquisadores, estudantes de universidades ou escolas de negócios, 28% mais do que na edição anterior.

Desenvolvido como um campeonato envolvendo três regiões geográficas: Brasil, demais países da América Latina e Europa, o objetivo do Prêmio Fundación MAPFRE para Inovação Social é possibilitar o crescimento de propostas que representem a essência da inovação social: talento, capacidade de transformação, compromisso e necessidade de melhorar o ambiente em que vivemos.

No dia 12 de maio, um júri, formado por especialistas da Fundación MAPFRE e da IE University, parceiro acadêmico do Prêmio, escolherá três vencedores, um para cada categoria, em três áreas muito atuais e de grande impacto, que também são o foco do trabalho desenvolvido pela Fundación MAPFRE: melhoria da saúde e da tecnologia digital (e-Health); prevenção e mobilidade segura e sustentável; e economia do envelhecimento (Ageingnomics).