MAPFRE
Madrid 2,216 EUR -0,02 (-1,07 %)
Madrid 2,216 EUR -0,02 (-1,07 %)

ECONOMIA|08.05.2024

MAPFRE recebe o apoio do ICO para seu fundo de biometano

Thumbnail user
  • O Instituto de Crédito Oficial (ICO) disponibilizou 15 milhões para o veículo por meio da AXIS, sua filial de capital privado
  • No total, o fundo desenvolve nove plantas em Extremadura, Castela e Leão e Madri

O MAPFRE Energías Renovables II, FCR, fundo inovador na Europa lançado pelo Grupo Segurador com seu sócio IAM Carbonzero no final do ano passado para investir em biometano, um biocombustível 100% verde obtido a partir de resíduos do setor agropecuário, obteve o apoio do Instituto de Crédito Oficial (ICO).

O órgão oficial investirá 15 milhões de euros através de seu braço especializado em investimentos de capital privado, AXIS. Especificamente, a operação é articulada através de Fond-ICO Sostenibilidad e Infraestructuras, um veículo que promove o investimento em projetos de infraestruturas em mobilidade sustentável, energias renováveis e economia circular.

Desde seu lançamento, o fundo MAPFRE Energías Renovables II está desenvolvendo um total de nove plantas entre Extremadura, Castela e Leão e Madri. Espera-se que alcancem a fase de construção no último trimestre do ano e no início de 2025, e que estejam operacionais ao longo de 2025. Além disso, a IAM Carbonzero atualmente possui identificados 20 projetos em fase de originação nas Comunidades da Andaluzia, Aragão, Catalunha, Castela La Mancha, Múrcia e Galícia.

A MAPFRE busca captar até 100 milhões de euros nesta primeira fase, que serão destinados à construção e ao desenvolvimento de entre 20 e 25 plantas na Espanha durante um período de cinco anos, que gerarão cerca de 70 empregos fixos e 240 empregos indiretos. Para isso, conta com os melhores

parceiros: IAM Carbonzero responsável pela busca e execução de projetos, e Abante, como parceiro financeiro. Este fundo foi catalogado como artigo 9 de acordo com o SFDR.

Dado o tipo de projetos impulsionados pelo fundo MAPFRE Energías Renovables II, os recursos investidos pela AXIS podem ser provenientes dos fundos Next Generation que o Grupo ICO gerenciará na segunda fase do Plano de Recuperação através da iniciativa ICO Verde, destinada a promover projetos que impulsionem a transição verde.