Madrid 1,7785 EUR -0,02 (-0,89 %)
ZoomTalento Prensa

5
continentes

 

34.000
colaboradores

Investimos por princípios, convencemos pela lucratividade

Assumimos a parte que nos interessa no desenvolvimento sustentável

Trabalhamos com conhecimento e reflexão para criar debate público

M

SOSTENIBILIDAD | 23.11.2020

Três grandes projetos de transformação social

Thumbnail user

Jovens empreendedores da América Latina e da Espanha receberam a quantia de 30 mil euros para criar projetos que melhorem a saúde, a mobilidade e a qualidade de vida de pessoas com mais de 55 anos. São os ganhadores dos Prêmios Fundación MAPFRE para Inovação Social, um concurso realizado pelo terceiro ano consecutivo com o objetivo de enfrentar os grandes desafios e lidar com as necessidades geradas durante a crise atual.

Há alguns dias, nove empreendedores do Brasil, Equador, Espanha e Peru participaram de um concurso em que apresentaram soluções reais para problemas reais. O júri, formado por especialistas em inovação social, impacto e o universo empresarial e da tecnologia, selecionou três em razão da qualidade dos projetos e por oferecer soluções inovadoras eficazes que, sem dúvida, vão ajudar a resolver alguns dos problemas sociais existentes nas diferentes regiões do mundo.

 

Guia de rodas: eliminar barreiras

Bruno Mahfuz, jovem empreendedor do Brasil, utiliza cadeira de rodas desde 2001. Ele conhece de perto as dificuldades de viver com mobilidade limitada, motivo pelo qual decidiu criar uma empresa que permitisse desenvolver uma tecnologia que tornasse a vida mais fácil, mais independente e mais confortável para as pessoas que, como ele, têm uma mobilidade limitada. Ele também pretende também acelerar uma mudança na mentalidade em busca de um mundo mais acessível para todos.

O aplicativo móvel Guiaderodas (Prêmio Fundación MAPFRE para Inovação Social na categoria Mobilidade) é um guia que permite verificar, de forma gratuita, a acessibilidade em qualquer lugar do mundo. Para isso, ele conta com avaliações de empresas de mais de 110 países, que pagam para serem “auditadas”, o que inclui uma análise in situ por parte de arquitetos e pessoas com deficiência, sessões de treinamento para trabalhadores e uma campanha de marketing interna que convida os trabalhadores a deixarem suas opiniões no aplicativo. Algumas chegam a fazer parte da Rede Guiaderodas, que reconhece a importância da acessibilidade para muitas empresas, melhorando a sua reputação.

Pensium: residência privada e assistência em domicílio

Miquel Perdiguer, CEO da Pensium (Prêmio Fundación MAPFRE para Inovação Social na categoria Inovação em Seguros), criou a startup após chegar à conclusão de que para muitas pessoas com poucos recursos é um problema ter acesso a um lar de idosos particular sem que seus familiares precisem pagar e sem que eles sejam obrigados a vender seu imóvel e perder seu patrimônio.

Na Espanha, os períodos para ter acesso a uma vaga pública em uma residência são longos na maioria dos casos e, inclusive, depois da aprovação da ajuda financeira, ainda leva tempo para que os valores sejam pagos aos dependentes.

A principal vantagem do Pensium é permitir que os idosos dependentes tenham acesso a uma vaga em uma residência privada, ou assistência em domicílio, mesmo que o idoso não tenha condições de pagar por esse tipo de serviço. Se o idoso tiver uma propriedade, o Pensium emprestará o dinheiro necessário a partir do aluguel da casa, antecipando aluguéis futuros para obter até o dobro do valor do aluguel mensal.

Outra característica do produto é que, após o pagamento dos valores exigidos (para ter acesso a uma vaga pública ou por falecimento), o Pensium continua administrando o aluguel da casa até a amortização total do valor antecipado. O programa inclui também a gestão e o financiamento das reformas necessárias do imóvel, para que a família não se preocupe com a sua gestão.

HOPE: alta tecnologia para curar o câncer de colo do útero

O câncer de colo de útero é a principal causa de morte entre as mulheres peruanas em idade fértil. São detectados 12 novos casos por dia, dos quais, 50% são letais, o que significa que a cada cinco horas uma mulher morre por essa causa. Embora seja um câncer que pode ser evitado em 100% dos casos, no Peru, somente quatro entre cada dez mulheres mantêm hábitos saudáveis que contribuem para a prevenção da doença.

Diante dessa situação, a entidade sem fins lucrativos HOPE PERU (Prêmio Fundación MAPFRE para Inovação Social na categoria Saúde) tomou a decisão de mudar essa realidade, colocando ao alcance de toda a sociedade o primeiro kit de análise de amostras de DNA com autocoleta, simples e de baixo custo, que detecta as cepas de alto risco do HPV, permitindo a prevenção do câncer de colo de útero. O kit é vendido on-line a um preço de 40 euros com a proposta de entrega em domicílio e coleta da amostra, que é analisada nos laboratórios da entidade e os resultados enviados à interessada por e-mail.

A proposta é inovadora porque até então, no Peru, os exames moleculares eram caros e estavam disponíveis somente para mulheres com determinado nível socioeconômico. Além disso, o Peru não tinha cultura de prevenção. Somente 40% das mulheres fazem exames preventivos, portanto, oferecer um exame molecular de baixo custo e com autocoleta ajuda a romper barreiras e permite a prevenção por meio de um método que pode ser realizado em casa.

239 candidaturas e 3 ganhadores

A III edição dos prêmios, que inclui três regiões geográficas – Brasil, restante da América Latina e Europa –, este ano recebeu um total de 239 projetos criados por cientistas, pesquisadores, empreendedores, estudantes universitários e escolas de negócios, entre outros. Somente 26, os mais inovadores e com maior impacto social positivo, se qualificaram para uma vaga nas três semifinais regionais, celebradas este ano de forma virtual, e por um programa de mentoring para melhorar a visibilidade dos projetos.

4ª edição dos Prêmios Fundación MAPFRE para Inovação Social

A nova edição, aberta até o dia 30 de novembro, pretende “convidar o mundo inteiro a aproveitar as lições aprendidas com a pandemia e propor soluções criativas que permitam responder aos grandes desafios que temos pela frente”. Destacou Antonio Huertas, presidente da Fundación MAPFRE, no último dia 29 de outubro, data de realização da grande final.

A convocatória de 2020-2021 tem uma novidade. Além das categorias de saúde, prevenção e mobilidade segura, os interessados em participar também podem apresentar iniciativas de fomento ao envelhecimento ativo e para melhora da qualidade de vida das pessoas com idade entre 55 e 75 anos.

https://premiosinnovacion.fundacionmapfre.org