ZoomTalentoImprensa

5
continentes

 

34.000
colaboradores

Investimos por princípios, convencemos pela lucratividade

Assumimos a parte que nos interessa no desenvolvimento sustentável

Trabalhamos com conhecimento e reflexão para criar debate público

M

SUSTENTABILIDADE | 26.06.2020

O valor de fazer as coisas bem

Thumbnail user

A Agenda 2030 é uma oportunidade única para melhorar a vida de todos. As empresas espanholas têm isso muito claro e se transformaram em um exemplo de compromisso com os objetivos das Nações Unidas, cuja finalidade é avançar na direção de sociedades mais inclusivas, com mais justiça social e com um horizonte ambiental sustentável. É o que mostra um relatório do Ministério de Assuntos Exteriores, que demonstra com iniciativas e resul¬tados, o que 17 empresas globais, como MAPFRE, estão fazendo para contribuir para o desenvolvimento sustentável.

As empresas espanholas consideram a sustentabilidade como um âmbito de gestão prioritário do negócio, e temos muito claramente que a Agenda 2030 nos permite acelerar o impacto sobre as pessoas e o planeta, e avançar na luta contra as mudanças climáticas, a redução das desigualdades e a melhoria na transpa­rência. São um exemplo de compromisso com os objetivos das Nações Unidas. É isto que apresenta o relatório A Contribuição das empresas espanholas no desenvolvimento sustentável na América Ibérica, apresentado recentemente pelo Ministério dos Assuntos Exteriores, União Europeia e Cooperação, no qual participaram 17 empresas globais, com o objetivo de apresentar nossa contribuição para o desenvolvimento sustentável nos países em que operamos.

“A Agenda 2030 é uma oportunidade para que os países e suas sociedades melhorem a vida de todos”

160 milhões de investimento social

As empresas realizam o desenvolvimento sustentável dos países em que operam por meio de sua atividade, do pagamento de impostos e da contratação de fornecedores locais. E são, além disso, importantes geradores de emprego, contribuindo para o bem-estar das comunidades onde estão presentes. Nesse aspecto, o investimento social na América Ibérica pelas empresas como MAPFRE, Santander, Telefónica, Inditex e Iberdrola, entre outras, aumentou cerca de 160 milhões de euros em 2018. O total de beneficiários das ações sociais das 17 empresas espanholas referidas no relatório superou os 13 milhões de pessoas beneficiadas em mais de 9 mil projetos destinados a melhorar o mundo, deixá-lo mais justo, mais diverso, mais seguro e mais limpo e próspero. Todas empregam mais de 360 mil pessoas em conjunto com os países do continente, o segundo destino do investimento direto espanhol, com 148,63 bilhões de euros em ações, o que equivale a 29,5% do investimento no exterior. Os seis países presentes no relatório representam somente 26,1%. De todos eles, a Espanha é o primeiro e o segundo maior investidor do mundo.

Desigualdade, mudanças climáticas e transparência

A incorporação de políticas de responsabilidade ­social e sustentável no dia a dia das empresas é inquestionável. Transformou-se em um fator de competitividade e diferenciação, e em um foco de oportunidade de negócio, um atributo fundamental na gestão empresarial. Há uma preocupação cada vez maior na opinião pública com a desigualdade, os direitos humanos, a transparência, as mudanças climáticas, o impacto da tecnologia sobre a transformação social, bem como o convencimento absoluto e o compromisso da parte dos governos, instituições­ e empresas a respeito da necessidade de avançar no cumprimento­ dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

De acordo com o relatório, os ODS são universais, aplicam-se igualmente em países ­desenvolvidos e em desenvolvimento, e abordam as raízes da pobreza, da desigualdade e da destruição do planeta. Todos têm uma vontade transformadora e seu objetivo principal é avançar na direção de sociedades com um crescimento econômico inclusivo, com maior coesão, justiça social e paz, e com um horizonte ambiental sustentável. A Agenda 2030 inclui 17 Objetivos de Desenvolvimento Suste­ntável para contribuir na eliminação da pobreza, lutar contra as mudanças climáticas, melhorar a educação, alcançar a igual­dade de gênero, defender os ecossistemas e projetar nossas cidades

Espanha, exemplo de excelência

MAPFRE, Abertis, BBVA, Acciona, Banco Santander, Elecnor e Ferrovial, Iberdrola, Repsol, Inditex, Indra, Sacyr e Telefônica são alguns exemplos do grande compromisso para alcançar os ODS das grandes empresas espanholas que colaboram no relatório­. Todas elas incorporaram os princípios do Pacto Global e os objetivos da Agenda 2030 de forma ativa em sua gestão diária e participam em muitas das iniciativas e grupos de trabalho mais importantes. A maioria das grandes empresas espanholas demonstra uma grande maturidade na gestão dos critérios ESG (ambientais, sociais e de ­governança), algo que compartilham aquelas com uma importante presença na América Ibérica, objeto deste documento.­ As 17 empresas consideradas cumprem com os critérios­ de excelência da RSC porque têm consciência de que são fundamentais para a criação de valor e a melhora da eficiência operacional, a reputação e a gestão de risco.

Esforço da América Ibérica

Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, México e Peru, principais países ibero-americanos com presença de empresas espanholas (selecionados para este relatório), se comprometeram voluntariamente para implementar programas que permitam cumprir com os ODS da Agenda 2030, e obtiveram o nível governamental máximo, com processos de acompanhamento e testes públicos no âmbito das Nações Unidas. Todos eles estão no centro do ranking de avaliação do cumprimento da Agenda 2030. Isto é, em uma faixa que vai do 31º (Chile) ao 78º (México), indicando que ainda há muito caminho a ser percorrido. Os ODS que avançam na melhor direção são o 1 (Erradicação da pobreza), 4 (Educação de qualidade), 7 (Energia limpa e acessível) e 13 (Ação contra a mudança global do clima). Por outro lado, as pontuações mais baixas estão de maneira generalizada nos ODS 2, (Fome zero e agricultura sustentável, 9 (Indústria, inovação e infraestruturas), 10 (Redução das desigualdades), 14 (Vida na água), 15 (Vida terrestre) e 16 (Paz, justiça e instituições eficazes).

Desafios mais urgentes

O ambiente atual apresenta diversos desafios para as ­empresas, que para o estudo deverão provar sua capacidade de adaptação para enfrentar, por exemplo, a grande ameaça imposta pelas mudanças climáticas, o maior desafio­ de nosso tempo, de acordo com as Nações Unidas. Também estão planejadas oportunidades de economia circular, um modelo econômico centrado no uso de energias renováveis, reciclagem e prolongamento da vida útil dos produtos, bem como da gestão dos grupos de interesse, especialmente no que diz respeito à escuta ativa, fundamental para continuar avançando na integração dos critérios ESG e cumprir com as expectativas da sociedade, e nos desafios demográficos, um dos principais desafios que o mundo enfrenta devido ao aumento e ao envelhecimento da população. Há ainda dois destaques: a igualdade de gênero, para isso, é necessário acabar com a violência contra a mulher e garantir seu acesso à educação­, à saúde e aos recursos econômicos; e a digitali­zação, alavanca de transformação dos processos, a estratégia e a cultura das empresas, e que deve ser uma prioridade competitiva para prosperar em um ambiente em transformação.

MAPFRE, 90 anos de compromisso social

A #MAPFRESustentável é uma realidade na qual acreditamos e continuamos atuando há 90 anos, e por meio da qual desejamos transmitir nossa vontade de construir um futuro melhor e deixar uma marca positiva. No momento, trabalhamos em três dimensões, que são as que compõem nossa estratégia de sustentabilidade: a social, por meio da qual queremos um mundo mais igualitário, inclusivo e desenvolvido; a ambiental, por meio da qual desejamos refletir nossa preocupação e compromisso em proteger o meio ambiente e lutar contra as mudanças climáticas; e a Agenda 2030, o melhor roteiro para mudar o mundo.

O relatório a Contribuição das empresas espanholas para o desenvolvimento sustentável na América Ibérica, destaca vários projetos desenvolvidos pela MPAFRE nessa região para contribuir com o cumprimento do Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, especialmente o ODS 1 (Erradicação da pobreza), ODS 3 (Saúde e bem-estar), ODS4 (Educação de qualidade) e ODS 10 (Redução das desigualdades). Também reflete nosso compromisso com outros ODS, como os 1, 2, 5, 11, 13 e 17 por meio do Programa Corporativo de Voluntariado, do qual participam 11.300 funcionários e familiares em todo o mundo com o objetivo de desenvolver atividades de caráter altruísta e solidário­ voltadas para melhorar o bem-estar das pessoas mais desfavorecidas da sociedade.

Na MAPFRE incorporamos os princípios do Pacto Global e os objetivos da Agenda 2030 em nossa gestão diária. Contribuindo especialmente com o ODS 1 (Erradicação da pobreza), ODS 3 (Saúde e bem-estar) e ODS 10 (Redução das desigualdades)

Bem-estar físico e mental

Na MAPFRE contamos com um Modelo de Empresa Saudável, que vai além da prevenção de riscos ocupacionais, colocando o foco na promoção­ da saúde em um sentido amplo, concebendo a empresa como um importante agente de promoção da saúde Entre as atividades internacionais que se ­desenvolvem para cumprir esse objetivo, está a Semana MAPFRE, uma iniciativa que, em 2018, foi realizada em 30 países, com 743 atividades vinculadas à promoção de atividade física, alimentação e bem-estar mental, entre outras.

91 nacionalidades e 5 gerações

Para a MAPFRE, a diversidade é um valor. Temos um quadro de funcionários com 35.390 trabalhadores de 91 nacio­nalidades (diversidade cultural), dos quais 55% são mulheres que ocupam 40,8% dos postos de responsabilidade (diversidade de gênero). Temos, em nível global, profissionais de cinco gerações (di­versidade geracional) e 2,5% do quadro de funcionários é formado por pessoas com alguma deficiência (diversidade funcional). Para gerir a diversidade, dispomos de uma Política de Diversidade e Igualdade de Oportunidades em nível global, e há um compromisso público para contar, no ano de 2021, com 3% do quadro de funcionários com ­deficiência, e que 45% das vagas em postos de responsabilidade sejam ocupadas por mulheres

Fundación MAPFRE: presente e futuro

É inquestionável que um dos ativos mais importantes com que contamos e, sem dúvida, a entidade por meio da qual ajudamos a melhorar o mundo, e que diariamente oferece oportunidades às pessoas para que elas tenham um presente e um futuro melhor. A entidade, que na última década investiu 500 milhões de euros, e cujas atividades beneficiaram 100 milhões de pessoas em 30 países, desenvolve programas internacionais em colaboração com organizações locais para promover a nutrição, a saúde, a educação, o acesso ao mercado de trabalho e o empoderamento da mulher. Para erradicar a pobreza (ODS 1), a entidade conta com iniciativa específicas em alguns âmbitos, dirigidas a crianças e jovens em situação de vulnerabilidade em 19 países da América Ibérica. Também fomenta a educação de qualidade (ODS 4), com programas educativos e de conscientização de prevenção, saúde e em educação financeira e seguradora, que agregam os objetivos 3, 11 e 17, e que estão alinhados com o conceito de educação integral­, que entende o indivíduo como um ser único e em constante desenvolvimento.