Skip to Content

Mudança Climática

Mudança Climática

A atenuação e adaptação à mudança climática deve ser uma prioridade para os órgãos, empresas e a sociedade em geral, visando transformar a economia atual em uma economia sem carbono. Neste sentido, como companhia Seguradora Global, desempenhamos um papel importante na hora de contribuir para gerenciar o risco climático através de pesquisa, entendimento e compartilhamento de conhecimentos sobre esse cenário.

Para isso, como parte da sua estratégia, a MAPFRE adota compromissos de mitigação e adaptação à mudança climática, tendo objetivos assumidos publicamente de reduzir as emissões gases de efeito estufa, que exigem a definição e implementação de atualizações voltadas à redução da pegada de carbono das suas atividades.

  • Compromisso a curto prazo (2020)
  • Compromisso a médio e a longo prazo (2050)

A MAPFRE conta com um Plano Estratégico de Eficiência Energética e Mudança Climática com um horizonte de tempo até o ano de 2020, que estabelece a redução de 14.710.519 kWh (redução de 11% em relação a 2013), bem como a redução de 9.924 toneladas de CO2 (redução de 20% em comparação como o ano de 2013).

No encerramento de 2017, alcançamos uma redução de emissões de 45% em relação à linha de base estabelecida (2013).

2017 2016 2015 2014 2013
Ton. CO2 emitidas (*) 27.640 28.244 39.852 44.128 49.649
Emissões reduzidas em relação à LB (*) 22.189 21.405 9.797 5.521 Linha de Base (LB)

(*) Alcance:
Países incluídos: Espanha, Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, EUA, México, Porto Rico e Turquia.

Categorias incluídas:
Alcance 1 (gás natural, diesel edifícios, combustível veículos de empresa);
Alcance 2 (eletricidade);
Alcance 3 (consumo de papel, emissões evitadas graças à reciclagem de papel e viagens de empresa (somente Espanha).

A empresa se compromete a alcançar a neutralidade em CO2 por meio do Plano Estratégico de Pegada Ambiental e de objetivos mais ambiciosos, a médio e a longo prazo, com um horizonte até 2030 e 2050, respectivamente.

Além disso, aderimos à iniciativa Paris Pledge for Action, subscrita por algumas das principais empresas do mundo na cúpula de Paris (COP21) e por membros da Associação de Genebra, um think tank que reúne as principais empresas de seguro do planeta e que criou um grupo de trabalho voltado especificamente para as possíveis contribuições do seguro para a prevenção da mudança climática.

Back to top