Modelo Estratégico Ambiental

Modelo estratégico ambiental

A MAPFRE realiza suas ações de caráter ambiental de acordo com as diretrizes definidas no triplo Sistema Integrado de Gestão Ambiental, Energético e de Pegada de Carbono (SIGMAYE, por sua sigla em espanhol), projetado de acordo com as normas internacionais ISO 14001, ISO 50001 e ISO 14064, e que apresenta o marco em comum para o gerenciamento dos seus aspectos ambientais, energéticos e a gestão das emissões de gases de efeito estufa.

Este modelo permite à MAPFRE evoluir objetivamente no processo de melhoria contínua exigido pelo Sistema e verificado por meio de auditorias externas de certificação, de acordo com as seguintes fases:

SIGMAYE

Mostrar tudo

  • Conhecimento da organização e das instalações (visita/questionário).
  • Identificação de aspectos ambientais e análise de requisitos de conformidade legal.
  • Diagnóstico do meio ambiente e plano estratégico.
  • Comunicação da política de meio ambiente.
  • Formalização do Comitê de Segurança e Meio Ambiente.
  • Indicadores do desempenho e definição dos objetivos de melhoria.
  • Implementação de procedimentos corporativos.
  • Auditoria interna.
  • Auditoria de certificação.
  • Auditorias periódicas e de nova certificação.

  • Levantamento do ambiente: definir o banco de dados das instalações.
  • Levantamento das fontes de emissão (energia elétrica, gás, combustível, veículos, viagens etc.)
  • Levantamento dos fatores de emissão.
  • Compilação dos dados de consumo do ano.
  • Desenvolvimento da plataforma de suporte para cálculo da pegada de carbono.
  • Cálculo da pegada de carbono corporativa.
  • Redação do relatório do inventário de gases de efeito estufa.
  • Auditoria interna.
  • Verificação do cálculo e do relatório do inventário do GEI.

  • Revisão energética inicial.
  • Avaliação dos usos energéticos, linha de base de energia e indicadores do desempenho energético.
  • Controle do histórico de consumos.
  • Verificação de analisadores de rede internos.
  • Programa energético com definição de objetivos e consumos previstos.
  • Registro de identificação e avaliação de requisitos legais.
  • Implementação de procedimentos corporativos.
  • Auditoria interna.
  • Auditoria de certificação.
  • Auditorias periódicas e de nova certificação.


A solidez do sistema integrado e sua evolução ao longo destes anos representam uma garantia de sucesso no funcionamento do sistema triplo de gestão, já que seu desenho transversal e o caráter global de seus processos corporativos permitem avançar de modo mais rápido e eficiente na implantação deste sistema em todas as atividades desenvolvidas pelo Grupo nos diferentes países onde operamos.

O contexto estratégico é analisado antes de selecionar os países onde as medidas ambientais serão aplicadas, tendo em vista que é necessário realizar uma análise exaustiva dos riscos de tal forma que seja possível garantir o sucesso do projeto e sua evolução no futuro..

O marco estratégico global e o modelo para a execução das diversas ações em matéria de Segurança e Meio Ambiente estão descritos no Plano Diretor de Segurança e Meio Ambiente do Grupo. Este plano se adapta à evolução empresarial e organizacional da MAPFRE propriamente dita levando em consideração as circunstâncias socioeconômicas e ameaças em mutação, do mesmo modo que os requisitos legais nos países em que a companhia opera..

A Estrutura Central, que cabe à Diretoria Corporativa de Segurança e Meio Ambiente, é a responsável pela governança corporativa nesses assuntos, assumindo o planejamento estratégico em nível corporativo e supervisionando e controlando a segurança e a gestão ambiental nas diferentes Áreas Corporativas, Unidades de Negócio Centralizadas, Regiões e Entidades Locais. Esta Estrutura tem como principal característica prestar serviço ao conjunto de Entidades que compõem o Grupo MAPFRE..

As atividades corporativas e centralizadas são complementadas por uma Estrutura Periférica, subordinada funcionalmente à Estrutura Central, que permite adaptar e flexibilizar os modelos corporativos especificamente de acordo com aquilo que cada localização necessita e suas problemáticas..

Além disso, dá um impulso, adapta, coordena e, se for o caso, executa a implantação das medidas de segurança e de gestão ambiental no âmbito de suas competências, identificando as necessidades específicas em seus respectivos campos de atuação, verificando os níveis de segurança e a adequada gestão ambiental, vigiando o cumprimento das legislações específicas, atuando como vínculo com as autoridades no assunto, e zelando pela melhoria contínua do processo.